Seu filho precisa ouvir não!

💙
13 maio 2016

(Imagem: Google.com)

Ele olha para mim com aquela carinha. Por dentro me contorço para não rir ou me derreter. E ele sabe que me ganha muitas das vezes. Seja por uma bobeira ou algo mais sério, sua arma fatal para desarmar o adversário é sempre a mesma: aquela carinha de inocência misturada com fofura que não da para resistir! Mas é preciso, é necessário ser forte e dizer não.

Pode até parecer doloroso na hora, ele poderá chorar ou dizer que não gosta mais de você. Mas no futuro você verá o melhor bem que fez ao seu filho, foi saber dizer não na hora certa.

Crescer com liberdade excessiva pode prejudicar seriamente a vida do seu filho. O não precisa ser dito, seja para repreender um ato errôneo ou mesmo para impor limites em determinadas situações, seja de forma verbal ou com atitudes. O não deve ser um ato de paciência.

Alguns precisarão de explicações, diversas tentativas. Outros entenderão de primeira.
O importante é que você não desista. É que você insista. E que você saiba: dói. O não dói em mim, em você, na mãe que está lá no Japão. Mas é uma dor que se aguenta, pois sabemos que o não de agora é um sim lá na frente, de boas ações e bom caráter!


“Deixar a criança fazer e ter tudo não é a melhor maneira de demonstrar amor e cuidado com o seu filho. Mostrar os limites e impor regras mostra que você o orienta com a base para ele se desenvolver futuramente”


17 comentários on "Seu filho precisa ouvir não!"
  1. Até porque na vida ouvimos muitos nãos né?! É bom que os filhos aprendem a lidar com eles. Ontem no seminário país e filhos foi falado muito sobre isso. :)

    ResponderExcluir
  2. Oi Louise, um ótimo post. Realmente muitas vezes é difícil dizer não para os nossos filhos. Seja pelo charme e sedução deles, seja pelo nosso cansaço. Mas pelo nosso amor e pelo bem deles o não é tão fundamental quanto o sim.
    beijos
    Chris

    ResponderExcluir
  3. Eu sempre falo para os pais que educar é saber dizer não...é colocar limites!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Concordo plenamente. O não deve ser dito, e isso não significa que amamos menos. Bjs

    ResponderExcluir
  5. Limites! Todo não tem um porque (ou deveria ter) e as vezes nao é facil explicar ne?
    Mas aqui o nao rola solto... hehe
    bjs
    Lele

    ResponderExcluir
  6. Ótima matéria Lou, não tbm é amor! bj

    ResponderExcluir
  7. As crianças precisam aprender a lidar com as frustrações! Isso é Importantissimo!
    Eles nao deixaram de nos amar se formos coerentes... Muito pelo contrario, vao nos agradecer!
    Deia Tomaz - @lancheiradojoao

    ResponderExcluir
  8. Como professora aprendi que toda criança adora regra, gostam de responsabilidades.
    @nossasaogemeos.

    ResponderExcluir
  9. É isso mesmo, Lou! Mas é tão difícil ouvir a chateação deles, né?! Davi agora aprendeu a dizer "eu não amo mais você! Quero o meu pai!" Só dá vontade de chorar!
    Bj
    Juliana Carreras
    www.mamaerobo.com

    ResponderExcluir
  10. Ótimo post Lou é difícil mas é necessário para a criança se tornar um adulto melhor.
    Bis
    Mari
    Vamosmamaes.com.br

    ResponderExcluir
  11. Perfeito Lo ... Dói mesmo dizer não e eles sabem fazer a carinha toda meiga mais prefiro dizer não agora e como vc disse ouvir no momento que não gosta mais de mim (e acredite já ouvi isso) do que lá na frente não ter mais como corrigir

    Bjs Mi Gobbato - Espaço das Mamães

    ResponderExcluir
  12. Concordo, as crianças precisam ouvir e mais, saber ouvir o não.

    ResponderExcluir
  13. Verdade temos que dar limites para os nossos filhos.. O amor sempre será o mesmo.. Beijos

    ResponderExcluir
  14. Concordo demais com seu post, muitos sofrem no futuro por não ouvi isso de seus pais ;(

    ResponderExcluir
  15. Sempre digo isso, dizer não também é amar!

    ResponderExcluir
  16. Tão difícil, né? Mas muito necessário mesmo! @caroleassinhazinhas

    ResponderExcluir
  17. Realmente. Amar é dizer não quando é preciso! A vida nos cobra isso, e temos que preparar os nossos pequenos para tudo. Se não aprendem a ouvir o não em casa com carinho, aprenderão na rua da forma mais dolorida.

    Beijos Mila (@mundodamae )

    ResponderExcluir