Maternidade Pelo Mundo: Viajando sozinha com um bebê para a África (Erika Medeiros)

💙
16 novembro 2015
(Foto: Acervo Pessoal Erika Medeiros)


Após 4 meses no Brasil a espera dos nossos vistos chegou a hora de voltar para nossa casa em Angola.
Meu esposo não conseguiu nos buscar porque estava em Angola a espera de uma visto e não poderia sair do país.

Então lá fui eu, o pequeno Benjamin e nossas malas para o aeroporto com muita ansiedade e sem saber o que iríamos enfrentar.
Despedir da família foi muito difícil, mas a saudade do esposo era grande então estava feliz em voltar.

O Benjamin, um bebê muito tranquilo, não deu trabalho, dormiu bastante naquele bercinho do avião e eu consegui até descansar.
Quando chegamos em Angola, após 8h de vôo, dormimos na Capital Luanda e no dia seguinte percorremos 500km de carro em direção ao Lobito, no litoral Sul de Angola.
Paramos várias vezes durante a viagem para tirar o pequeno da cadeirinha para esticar o corpinho, mamar e descansar, mas ele também dormiu grande parte da viagem.

Após longas horas de viagem chegamos na nossa casa, onde eu já tinha deixado o quartinho pronto (faltava apenas alguns detalhes da decoração) e foi nessa noite, com 4 meses de vida e muito cansado, que o pequeno dormiu a primeira noite inteira.
Agora era apenas nós três, sem meus pais, minha sogra, sem tios, tias, sem ninguém para ajudar. Meu esposo trabalhava o dia todo e eu ficava em casa com o Benjamin.

Graças a Deus tinha a Joana, uma moça que me ajudava nos serviços domésticos, então podia cuidar do bebê e descansar nesses primeiros meses que são tão cansativos.
Quando estava no Brasil cuidei do Ben sozinha, mesmo estando na casa dos meus pais, dava banho, trocava, limpava ouvido, cortava as unhas, fazia dormir, cuidei do umbigo até cair. Motivo? Queria estar pronta quando fosse para Angola porque sabia que não teria ninguém para me ajudar.

E deu certo, dei conta do recado e é na África que estamos criando nosso pequeno que hoje já tem 2 anos e 4 meses.


Quais são os maiores desafios de criar um bebê aqui?
Conto no próximo post.



Instagran: @mamaenaafrica
Facebook: mamaenaafrica



Be First to Post Comment !
Postar um comentário