Festa de 1 ano do Caio

💙
09 outubro 2015
(Fotos: Felipe Carneiro)



Olá Meninas, Bom Dia.

Caio está prestes a completar dois anos (agora oficialmente falta apenas 1 mês) e estamos com os preparativos a topo vapor por aqui. Mas acabei me lembrando que nunca falei com vocês sobre a festa de 1 ano dele.

Como todos sabem, festa de um ano é um marco especial, principalmente na vida dos pais. Comemoramos uma vitória muito especial, afinal um ano se passou desde que a vida do casal mudou completamente. Superam-se medos, incertezas, noites mal dormidas, cólicas, choros sem explicação, primeira risada, primeira gargalhada, primeiro dentinho, primeira engatinhada e para alguns até os primeiros passos. Não é somente um ano importante para nós, pais, é um ano de descobertas do bebê e de alegrias para a família. Por esses e outros mais motivos, sempre achei que comemorar um ano do bebê tinha que ser comemorado!

Os preparativos:
Quando o Caio fez seis meses decidimos qual o tema seria usado no aniversário de um ano. Eu queria algo que pudesse captar nossos gostos sem exageros e que acolhesse toda a nossa família. Por morar no interior e sonhar com um sítio ou fazenda, optamos por fazer uma festa da Fazendinha. Meses depois era hora de colocar a mão na massa.

A primeira coisa que fizemos após decidir o tema, foi elaborar um plano de festa. Como faríamos a festa em casa, sem buffet, era necessário atenção para não faltar nada aos convidados. Na época usei uma calculadora de festas achada na internet, mas sugiro à vocês que usem esta aqui.

Outra coisa importante é saber como será a decoração. Para isso usei muitas inspirações do pinterest e sites de decoração de festa infantil.

As compras:
Se para quem é de São Paulo, a 25 de Março é o local para comprar artigos de festas, aqui no Rio de Janeiro eu indico três bons locais (dos quais eu fui): Nova Iguaçu, Mercadão de Madureira e Saara. Ainda há locais como Praça 2, em Vigário Geral e Cadeg, mas são coisas mais especificas. Para artigos em geral nos três lugares que eu fui existem muita variedade de produtos e valores.
Comprei a maior parte dos artigos em Madureira. Praticamente toda a decoração da festa foi feita em casa, mas o material base foi comprado lá.

As compras de comida e bebida fizemos no Makro. Vale a pena pois por ser atacado, os preços são muito mais em conta.

Cardápio:
Como montar um cardápio adequado? Me pergunta isso todos os dias antes de decidir. Pesquisei, pesquisei e nada se encaixava no que eu realmente queria. Foi daí que meu marido teve a ideia de serviços um café da tarde colonial. E assim foi feito.
Variados pães, bolos, biscoitos, frios, pastas, além de cachorro quente, pipoca e alguns outros quitutes que as crianças adoram.

Decoração e Lembrancinhas:
A decoração foi toda confeccionada por mim e pela minha Tia. Fizemos tudo, encomendamos as bandejas de tora de madeira e para lembrancinha optei por itens que iriam decorar a festa, um farnel de doces e um cavalinho de pau (tudo feito por nós)!

Horário Adequado:
Aqui, optei por fazer a festa a tarde, horário com clima agradável e luz do dia, bom para as fotos. Mas como o Caio ainda era um bebê, em boa parte da festa ele dormiu. Depois que ele acordou, se esbaldou nos brinquedos que alugamos.











Be First to Post Comment !
Postar um comentário